Investidores sinalizam que vão participar do leilão de portos

 

Está previsto para o dia 31 de março deste ano, na sede da Bolsa de Valores de São Paulo – Bovespa, o segundo leilão de áreas portuárias, promovido pela Secretaria de Portos da Presidência da República. Esse foi o tema central do seminário “Setor Portuário: Desafios e Oportunidades”, que aconteceu nesta quarta-feira, 24 de fevereiro, em São Paulo.

Participaram do evento: o vice-presidente, Michel Temer; o ministro do Planejamento, Valdir Simão; o ministro da Secretaria dos Portos, Helder Barbalho; a secretária executiva do Ministério dos Transportes, Natália Marcassa de Souza; além de empresários e representantes de associações do setor.

De acordo com matéria publicada no Portal Brasil, diversos investidores que acompanhavam o evento demonstraram interesse em participar do leilão. É o caso do diretor de Portos da Cargill Agrícola, Clythio van Buggenhout; e Marcelo Araújo, presidente-executivo do Grupo Libra. Araújo fez uma análise da participação do grupo no leilão: “temos de ser cirúrgicos, não adianta concentrar 20 projetos em um ano. O ideal é ter todos os anos novos projetos vindo”, afirmou o executivo.

Comentário do especialista Victor Scholze: as inovações no setor portuário brasileiro estão apresentando novos paradigmas para as relações entre a iniciativa privada e o setor público. O atual modelo de leilões para as concessões do setor segue o caminho da modernização. O interesse demonstrado pelos empresários em participar dos eventos é um indicativo da viabilidade de investimentos no setor.

A participação de representantes do Governo em eventos como o “Setor Portuário: Desafios e Oportunidades” é mais uma atitude louvável, uma vez que expõe aos investidores e interessados no assunto as especificações do setor. É importante que todos os envolvidos busquem o maior número de informações possíveis, além do auxílio de assessorias – jurídica e técnica – especializadas para atuar nos leilões. O setor portuário é permeado de nuances e normas específicas, que precisam ser observadas por profissionais capacitados no assunto.

Comentário da advogada especialista Cristiana Muraro: o Brasil é uma potência no setor agropecuário, mas peca no quesito logística. Por vezes, os empresários enfrentam imensas dificuldades para escoar a produção, especialmente para exportação, em razão do déficit na capacidade portuária do País. Defasados, os portos brasileiros carecem de urgentes reformas, ampliações e adequações que permitam suprir a vultosa demanda

Com informações da Portal Brasil.

Últimas Notícias

Governo anuncia nova pauta prioritária no Congresso e sinaliza possível votação da nova Lei de Licitações

20/02/2018
O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, anunciou ontem, 19, uma lista de 15 projetos na área econômica que... Leia Mais

Código de Conduta regula relações de servidores com empresas estrangeiras

16/02/2018
por J. U. Jacoby Fernandes Imprimir uma conduta ética em todas as suas atribuições é um dever do servidor... Leia Mais

Deputado quer alterar Lei das Estatais para limitar dispensa de licitação

15/02/2018
Em tramitação na Câmara dos Deputados, o Projeto de Lei nº 8.183/2017, do deputado João Daniel (PT/SE), dispõe que... Leia Mais

Nossos Contatos

Endereço do escritório

SHIS QL 12, Conjunto 4, Casa 20, Península dos Ministros - Lago Sul - Brasília/DF - CEP: 71.630-245

Só atendemos com hora marcada

Ligue e agende seu horário

+55 (61) 3366-1206

Nome (obrigatório)

Email (obrigatório)

Mensagem